5 de agosto de 2009

Na teologia islâmica, gênios são espíritos que podem inteferir nas vidas de humanos.

Uma família da Arábia Saudita está processando judicialmente um "gênio" por roubos e ameaças, segundo informações do jornal Al Watan.

Eles acusam o espírito de jogar pedras neles e roubar telefones celulares.

A família morou na mesma casa perto da medina da cidade de Mahd Al Dahab por 15 anos, mas diz que apenas recentemente descobriu o espírito e decidiu se mudar.

"Nós começamos a ouvir barulhos estranhos", disse o chefe da família, que não quis se identificar, ao jornal saudita.

"Primeiro, não levamos a sério, mas coisas esquisitas começaram a acontecer e as crianças ficaram particularmente assustadas quando o gênio começou a jogar pedras."

"Uma voz de mulher falou comigo primeiro e depois um homem. Eles disseram para sairmos da casa", contou ele.

Na teologia islâmica, os gênios são espíritos que podem perturbar e até possuir humanos. O tribunal local disse estar investigando os incidentes, "apesar da dificuldade de fazê-lo".

Muitos ocidentais conhecem o termo gênio por causa da história de Aladin e a Lâmpada Mágica e a série de televisão Jeannie é um Gênio.

Mas analistas dizem que os gênios da teologia islâmica, também chamados de jinns, são muito mais sinistros.

Acredita-se que eles sejam normalmente invisíveis, mas que tenham a capacidade de assumir formas humanas ou animais. A motivação deles seria frequentemente vingança e inveja. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Fonte:Estadão

2 comentários:

Chá das Cinco disse...

Venho agradecer o teu comentário, e pedir desculpas por ter generalizado
a expressão "pai" e "mãe" dentro de alguns relacionamentos.
Acredite, eu não costumo generalizar, de agora em diante vou me policiar.
Mas veja, pessoalmente eu não consigo ver sensualidade na hora do sexo quando o tratamento diário tem uma referência maternal ou paternal.
Eu não sou dona da verdade, cada assunto tem várias vertentes, temos que aceitar as diferenças não é mesmo?
Estou feliz por você está fazendo parte do meu site,o teu blog é inteligênte,gostei muito dos posts, fiquei um bom por aqui e gostei de tudo.
Sobre o teu post de hoje..

"Na teologia islâmica, os gênios são espíritos que podem perturbar e até possuir humanos."

Tirando os céticos, os espíritos rodam todas as crenças e quase sempre são acusados pelas mazelas da vida.

Os fenômenos de telepatia, clarividência e psicocinese têm sido aceitos pela quase totalidade dos pesquisadores desta área como objetos legítimos de estudo da Parapsicologia, embora alguns céticos ainda considerem que as evidências a favor da sua existência sejam questionáveis.

A inclusão de outros temas, como a transcomunicação instrumental, a sobrevivência após a morte e outros assuntos é aceita por alguns e considerada inaceitável por outros.
O teu post é um bom tema para enquete.

Um abraço
Gemária Sampaio.

Ana Lúcia Porto disse...

Roberson, acabo de ganhar um presente valioso ao estar aqui lhe retribuindo a sua visita, o de ler o seu blog.
Quanto à gênio, tenho um irmão assim, que prefiro não entrar em detalhes, por ter ele ficado esquisofrênico-paranóide. Em meu caso, não é nada agradável tocar no assunto, ademais, eu o respeito na medida do possível.
Beijos,
Ana Lúcia.