20 de agosto de 2009

Platão – Frases, citações, pensamentos

Aqueles dentre vós, ó homens, são sapientíssimos os que, como Sócrates, tenham reconhecido que em realidade não tem nenhum mérito quanto a sabedoria. — Platão, Apologia de Sócrates
O corpo é o túmulo da alma — Platão
E possivelmente, de acordo com o velho provérbio, o belo é que é amigo. Ele assemelha-se a algo doce e delicado, escorregadio. É por isso, talvez, que facilmente desliza por entre nossos dedos e nos confunde, por ter essa natureza. Afirmo, pois, que o bom é belo.” Platão, Lísis” Aquele que é experiente no amor, esse, meu amigo, não celebra o amado antes de o conquistar, receando que o porvir se encaminhe noutra direção. Além disso, quem é belo, quando alguém o celebra ou lisonjea, enche-se de orgulhoe presunção — Platão, Lísis
É se diz do Uno que é, e Uno, do ser que é uma unidade; e se não são idênticos o Ser e o Um, o Ser e o Uno pertencem àquilo mesmo que supusemos, a saber, o Um que É. Será então, forçoso constituir um todo esse Uno que é, vindo a ser, justamente, suas partes tanto o Uno como o Ser? — Platão, Parmênides
Se o ser é uma coisa e o Uno é coisa diferente, não é pelo fato de ser um que o Uno é diferente do ser, como não é pelo fato de ser que o Ser é diferente do Uno; diferem entre si por causa do Outro e do Diferente. — Platão, Parmênides
O corpo de tal modo nos inunda de amores, paixões, temores, imaginações de toda a sorte, enfim, uma infinidade de bagatelas, que por seu intermédio não recebemos na verdade nenhum pensamento sensato; não, nem sequer um! — Platão, Fédon
Vede pelo o contrário, o que ele(o corpo) nos dá: nada como o corpo e sua concupiscência para provocar o aparecimento de guerras, dissensões, batalhas; com efeito, na posse de bens é que reside a causa original, de todas as guerras, e, se somos irresistivelmente impelidos amontoar bens, fazemo-lo por causa do corpo, de quem somos míseros escravos! — Platão, Fédon
É assim que vejo as coisas, Polo: o homem e a mulher são felizes quando são bons e virtuosos, infelizes quando são injustos e maus. — Platão, Górgias
Polo: Então tu preferirias ser vítima duma injustiça a cometê-la?/ Sócrates: Eu propriamente não quereria nem uma coisa nem outra. Mas se tivesse de escolher entre praticar e sofrer uma injustiça, preferira sofrê-la. — Platão, Górgias
DIOTIMA: Não talvez, mas seguramente o é. E sabes qual é a importância da procriação? É que representa algo que perdura: é, para o mortal, a imortalidade. Ora, segundo vimos há pouco, o desejo de imortalidade é inseparável do desejo do bem, pois que o amor coniste no desejo da posse perpétua do bem; donde resulta que o amor é também o desejo de imortalidade. — Platão, O Banquete
Jamais se deve proceder contra a justiça. Nem mesmo retribuir a injustiça com a injustiça, como pensa a multidão, pois o procedimento injusto é sempre inadmissível. — Platão, Críton
Visto que todos nós aspiramos a ser felizes, e que obviamente antigimos esse estado mediante o uso das coisas, e de um uso correto, e que é o saber que proporciona a retidão e o êxito, então parece-me que é necessário que todo o homem se prepare, de todos os modos, para ser o mais sábio possível, não achas? — Platão, Eutidemo
Deste modo, administrada pela sophrosyne, a casa seria bem governada, e bem administrada a cidade ou qualquer outra coisa em que a prudência imperasse. Suprimido o erro e guiados pela razão, os que assim agissem, forçosamente procederiam bem e com beleza em todos os assuntos, e, procedendo bem seriam felizes. — Platão, Cármides
CÁLICLES – Pelos deuses! (Sócrates) Só falas em sapateiros, pisoeiros, cozinheiros e médicos, como se isso tivesse alguma coisa que ver com a nossa discussão. — Platão, Górgias


Fonte: Consciência.org

3 comentários:

Miguel disse...

Seria interessante não repostar tantos textos do Consciência, um link basta se o texto já está na web.

Marcos Martins César disse...

Caro Miguel, eu concordo com a sua observação. No entanto, este blog tem como tema a filosofia e teologia.
E blogs são assim mesmo...compartilhamento de informações....agora eu gostaria de ler um blog onde o blogueiro escreve tudo de próprio punho. Acho que ninguém né, ou quase ninguém não é mesmo?
O aletheia ainda tem mesclar um pouco de textos prontos e textos de próprio punho dos editores.
Abraços Miguelito!

Miguel disse...

Marcolino,

Blogs "pessoais", onde as pessoas postam de "próprio punho" existem aos milhares, sério que você não conhece nenhum? O Aletheia é um blog de qualidade que não precisa ficar replicando informações do Consciência.
Depois a gente marca uma PIZZA.