29 de setembro de 2009

29 de Setembro - festa dos DOUTRINÁRIOS

No dia 29 de Setembro de 1592, dia de São Miguel Arcanjo, nascia na cidadezinha de Isle-sur-Sorgue, próximo 10 Km de Cavaillon na França a Congregação dos Padres da Doutrina Cristã.

Peço lincença para o meu companheiro editor e eterno confrade Roberson, para através do nosso blog prestar uma homenagem a Congregação.

Certamente, nós dois, temos muito apreço pela Congregação.

Vendo a história percebemos como o Bem-Aventurado César de Bus foi um homem iluminado. Numa época em que reinava a ignorância religiosa, César de Bus reuniu-se com homens para juntos disseminar a doutrina cristã.

A doutrina cristã que estava vigente na época era a do Concílio de Trento.

Ora, uma doutrina áspera, criada apenas para combater os protestantes, ela não ajudava em nada o povo simples.

Eis, portanto a intuição do César de Bus. Passar a doutrina de uma forma fácil e acessível, que não precisa de muita coisa, apenas palavras fáceis.

O Bem-Aventurado Padre César de Bus dizia uma frase muito bonita. "Que em mim tudo se torne catequese".

Estamos diante de um grande legado.

Não precisamos de doutrinas fabulosas, apenas que o Evangelho brilhe sobre nós e que sejamos este evangelho vivo, ou nas palavras de César de Bus, uma catequse viva.

Que Nossa Senhora das Dores, nossa mãe, que os mártires e todos os anjos da guarda, proteja todos os religiosos desta Congregação.


São os nossos mais sinceros votos de feliz aniversário.


Marcos Martins César e Roberson Augusto Marcomini


5 comentários:

Roberson Marcomini disse...

Não tem como apagar da memória o que já foi escrito com amor no coração, a nossa história sempre vai ter os anos em que passamos por esta querida Congregação.
Somos ainda doutrinários de coração, pois bebemos um pouco deste amor pela catequese e acreditamos que Deus quer o melhor de nós. Infelizmente não tivemos a vocação de permanecer, mas acreditamos que o carisma está em nosso coração. Hoje, distante da familia doutrinária por caminhos escolhidos, mas sempre vamos ter amor por esta familia. Ela que nos acolheu e ajudou muito em nossa formação cristã e com o desenvolvimento humano.

Que Deus ilumine o caminho desta Congregação que sempre vai estar em nossos corações!

Abraço a Todos!

Padre Silvio disse...

Meus amigos, é claro o que aprendemos em nossa vida jamais poderemos tirar de nossa memoria. Aprendemos tantas coisas que vale-nos a pena recordar de tudo. Nos doutrinarios deveremos mesmo buscar agir e trabalhar pastoralmente como o fez nosso Padre fundador, mas é um caminho a ser percorrido e que o mesmo César continue a intercerder por nós para conseguir executar o que Deus nos pede. Obrigado pela mensagem e que vcs continuem lutanto pela justiça e pelo amor que pode transformar os corações mais duros.

Lu?s Gonzaga disse...

Agradeço ao Marcos e ao Roberson esta singela e significativa homenagem.
A Congregação dos Padres da Doutrina Cristã tem uma missão muito importante e atualíssima na Igreja de hoje. Não é por acaso que comemoramos seu aniversário dentro das celebrações do Ano Catequético Nacional.
Que o Bem-aventurado César de Bus interceda junto a Deus as luzes e forças necessárias para que os Doutrinários sejam sempre mais verdadeiros catequistas, de acordo com sua função e as necessidades da Igreja.

fagnus disse...

Salve! Salve! caros amigos!!!

Este é um ano muito importante para nós doutrinários: Ano Catequético.
E hj comemoramos os 417 anos de existência do ideal do Bv. César de Bus.
Seu jeito de pensar e trabalhar marcou e sempre marcará nossas vidas.
Obrigado pela homenagem.
Abração!!!

alexalto2 disse...

"Que tudo em nós catequize!!

Caros irmãos, é feliz essa homenagem que perpassa nossa vida através de um grande homem Pe. César de Bus e sua bela obra, a Congregação dos Padres da Dutrina Cristã...
Agora sinto cada vez mais aquela frase acima bater forte no peito...
como um chamado, para que onde estiver leve o evangelho e uma mensagem de paz, com palavras e ações...
Nunca vou deixar de ser doutrinário...
Nunca vou esquecer a mensagem desse santo homem
sua história
sua catequese
sua fé
sua congregação
e os amigos confrades que ainda vivem a cada dia esse chamado.
Abrção